JENNIFER ANISTON TEM O CABELO MAIS COBIÇADO DO MUNDO



Desde que surgiu na famosa série "Friends", no final dos anos 90, todas as mulheres se apaixonaram pelo cabelo de Jennifer Aniston. O seu estilo é como um clássico, bate recordes nos salões de cabeleireiros.

Não é fácil chegar aos 40 anos assim tão bonita, mas a verdade é que Jennifer Aniston é a mulher mais cobiçada do planeta, mais precisamente o seu corte e cor de cabelo. É considerado o cabelo perfeito, na sua textura, cor, maneabilidade, e todos os demais adjectivos que aqui se possam aplicar.

A actriz americana, ex. mulher de Brad Pitt, com uma carreira de sucesso é também um exemplo do que as mulheres costumam seguir no que diz respeito a beleza e cabelos. A cor e o modelo do cabelo de Jennifer Aniston têm sido um dos “looks” mais pedidos nos salões de cabeleireiros de todo o mundo. Um loiro discreto com madeixas finas e grossas, nos tons mel e dourado claro, o cabelo transforma-se no sonho de 9 entre 10 mulheres. O corte tem a base arredondada e é repicado na frente, do queixo para baixo. Além de emoldurar bem o rosto, ajuda a disfarçar quem tem bochechas grandes, por exemplo.


Mude o visual e pareça 5 kg mais magra


Cabelo que emagrece

O cabelo da Gabriella era grosso e muito reto, pesadão. Por isso mesmo, acabava jogado para trás dos ombros, evidenciando o rosto arredondado. Marco Antônio foi enfático: quem quer afinar o rosto precisa trabalhar com proporções e a melhor maneira de fazer isso é apostar num corte repicado. Mas não o tradicional – aquele que começa bem desfiado, picotado da raiz às pontas —, e sim a versão que repica os fios a partir da altura do queixo até as pontas. “Se você começar a cortar na linha da orelha, dá a impressão de pirâmide, aumentando o volume”, explica ele. E, se você pensa que esse truque só funciona para a Gabriella, se enganou, meu bem. Democrático e versátil, ele tem efeito emagrecedor em fios lisos ou encaracolados, grossos ou finos e de comprimento médio ou longo. Também serve para rostos quadrados, com queixo anguloso e não apenas para os redondos. “É um repicado com degradê suave, com pontas que avançam sobre o rosto. Isso significa que esse repicado redesenha o contorno da face, escondendo algumas áreas e realçando outras, independentemente do tipo do cabelo”, diz Marco. Além disso, ele adotou uma técnica em que usa apenas a pontinha da tesoura – assim, a cada picotada, ele vai dando acabamento ao corte, deixando os fios uniformes, sem pontas duplas. Para manter o corte e o volume em ordem, vale usar xampus antivolume ou antifrizz, evitando fios espigados, pois qualquer coisa que arme o cabelo também dá a sensação de rosto rechonchudo. “Para ficar ainda mais na moda, use também o cabelo com risca bem marcada no meio ou displicente para as laterais”, complementa Marco.

Banho de brilho ( loiro)


Benefícios
-Em 10 minutos tonaliza os cabelos
-Deixa um tom de cinza lindo
-Brilho aos cabelos

Você vai precisar:
-1/2 bisnaga de tinta loiro-acinzentado, cinza escuro (7.1), bege acinzentado (7.02), bege claro cinza (8.02), cinza claro (9.1)
-2 colheres de sopa de shampoo (não use shampoo anti-residuos)
-1 xícara de água
-1 colher de ox 30 volumes

Passo a passo: misture a bisnaga da tinta loiro-acinzentado, com as 2 colheres (sopa) de shampoo, a ox 30 volumes e a xícara (café) de água. Mexa bem para dissolver. Passe o produto nos cabelos com se estivesse lavando com o shampoo. Deixe agir por 10 minutos e enxágüe. Não ultrapasse o tempo de 10 minutos.

O banho de brilho pode ser feito toda vez que desbotar a cor do loiro.


Read more: http://patricinhaesperta.blogspot.com/2010/02/banho-de-brilho-loiro-acinzentado.html#ixzz0pF8GdJW4
Under Creative Commons License: Attribution

Ex-seguranças afirmam em livro que Michael Jackson não era gay


Bill Whitfield, Javon Beard e Mike Garcia, três ex-seguranças de Michael Jackson, resolveram escrever um livro sobre o cantor para desmentir os rumores de que Michael seria gay. “In Defense Of The King” já está sendo comercializado nos Estados Unidos.

O porta-voz Lelani Klarkson afirmou que, no final de sua vida, Michael Jackson tinha, na verdade, duas namoradas. Uma delas ele chamava de “friend” (amiga, em inglês), e tinha um “forte sotaque europeu”.

Há mais ou menos duas semanas, o advogado de MJ, Arnie Klein, tinha revelado que o cantor era, sim, gay, e que tinha um relacionamento com o empresário Jason Pfeiffer. Como os seguranças, a declaração do advogado foi, também, motivada para desmentir um rumor, mas de que o rei do pop seria pedófilo.

Dicas de como tirar o cheiro de roupa guardada das suas peças de inverno

Está na hora de tirar as roupas de frio de cima do armário.

E depois disso tirar aquele cheirinho de roupa guardada.

Muito ruim, mas tem jeito. E é só sair do quarto e dar um pulinho na cozinha.

A hora de tirar as roupas de inverno do armário é sempre complicado. Mas a solução para os problemas de Caroline pode estar na cozinha. Vinagre, álcool, limão, pão. Um simples paninho. Para tirar o cheiro das roupas de lã.

“Pega aquela escova de dente velha, que não se usa mais, embebe no álcool, levemente, e com delicadeza, onde tem as manchinhas, passa para a trama e o fio absorver esse no tecido, o álcool. Deixa secar na sombra, nunca no sol, e quando tiver bem seco, pode guardar”, ensina Roberta Gerhardt, consultora de estilo.

Já com a camurça: “Quando ela tem essas manchinhas, coloca um pouco de talco. E deixa ficar 24h esse talco absorvendo a camurça”, diz Roberta.

E aquelas manchinhas que surgem com o uso. Parece complicado, mas nem tanto: umedeça a peça e esfregue um pedaço de pão branco. A camurça fica nova. Com o veludo use sabão neutro, nunca coloque no sol e passe sempre pelo avesso com protetor de ferro ou um pano. Mas se o problema for o mofo, a solução está numa flanela umedecida com limão.

Se o couro estiver sujo, lave ele com sabão de coco ou de glicerina. Depois enxague com água corrente e coloque a peça para secar na sombra. Depois de bem sequinha, uma dica é usar cera para deixar a peça macia. Mas atenção: use a cera do tom do couro porque a incolor, resseca.

E se ele pegar muita chuva deixe secar bem e depois passe álcool.

“Se o zíper tem cores escuras, vale a pena pegar o algodão com um pouquinho de acetona e passar no zíper e a gente consegue proteger e evitar que o zíper enferruje. Nas peças que o zíper é dourado ao invés de acetona você coloca vinagre.

Veja outras dicas para tirar o cheiro da roupa:


De nylon: antes de terminar a lavagem, quando ela já está indo para o enxague, coloque em uma solução com uma colherzinha de bicarbonato. Deixe por alguns minutos e prossiga a lavagem normal.

De couro: para tirar o cheiro de guardado do couro, coloque nos bolsos um pedaço de algodão com um pouco de perfume. Retire depois de 24 horas.

Cobertores e edredons: O ideal é usar sabão de coco ou sabonetes. As peças devem ser lavadas no tanque. Nada de colocar essas peças em máquina.

Crochê/tricô: lavar em água morna com sabão em pó ou de coco, misturando um pouco de amoníaco. Se forem brancos, colocar uma colher de água oxigenada para cada litro de água, na última enxaguada.

Para os crochês em linho de cor bege-clara, enxaguar na última água com chá preto frio, para conservar a sua cor natural.

Para as peças brancas de tricô, enxaguar em água com algumas gotas de tinta de escrever, ficarão branquinhas.

Sempre devem ser apenas espremidas, nunca torcidas, e secadas à sombra.

Peles: nunca guardar em sacos plásticos ou em caixas de papelão. Estas peças precisam de ar, mas nunca as exponha ao sol.

Couro: jamais guarde o couro em saco plástico. Envolva numa toalha ou tecido de algodão que evita mofo, conserva a cor e resguarda do pó, da claridade.

Pimenta-do-reino e folhas de jornal (trocadas a cada seis meses) para evitar traças.

Lã: Se quiser lavar, utilize sabão neutro e depois mergulhe a peça em água fervida com uma colher de farinha de trigo. Deixe repousar até esfriar a mistura. Enxague com água pura e um pouco de vinagre para manter a cor. Na hora de secar coloque longe do sol e em uma superfície plana. Não pendure.

Cuidados simples evitam o efeito elétrico no cabelo após a escova

De longe, não dá para perceber tanto, mas é só chegar mais perto para ver os fios arrepiados, um incômodo para muitas mulheres.

A explicação está na física. “O cabelo é carregado positiva e negativamente. É o equilíbrio entre essas cargas que vai dar o efeito de cabelo tratado. Quando há um desequilíbrio disso você acaba tendo aquele efeito de arrepiado”, explica Helena Rios, dermatologista.

Processos químicos, como tinturas e alisamentos e o calor excessivo contribuem para esse desequilíbrio das cargas, que deixa os fios rebeldes.

A reclamação das mulheres é maior depois da escova, quando os fios ficam ainda mais arrepiados. Um problema que pode ser amenizado com alguns truques, que a própria pessoa pode fazer no dia a dia.

Para combater efeito eletrizado causado pelo calor do secador ou da chapinha, use, logo depois, um jato de ar frio. “Vamos usar um jato de ar frio para ele ir para o lugar. Só isso já vai resolver instantaneamente. Os arrepiadinhos vão se acomodar”, afirma Vera Regina, cabeleireira.

O uso de escovas erradas também pode aumentar o efeito “frizz” no cabelo. As arredondadas são indicadas para secar e modelar os fios. Para desembaraçar e pentear os cabelos já secos, utilize outro tipo. “Começar delicadamente, da ponta para a raíz”, explica a cabeleireira.

Os fios teimosos também podem ser combatidos com pomadas para cabelo, mas cuidado para não exagerar. São cuidados simples assim, que ajudam a domar os cabelos mais rebeldes.

A cabeleireira Vera Regina Pacheco, de Fortaleza, passou outras dicas para evitar o “frizz”:

- Usar meia garrafa de água mineral sem gás no último enxágue, ajuda a diminuir o cabelo frizz.

- Evitar água muito quente no cabelo. Preferir a morninha durante o banho.

- Hidratar o cabelo de 15 em 15 dias com cremes que ajudam a acalmar os fios.